Bom Jesus da Lapa-BA PMs mortos por assaltantes de banco são enterrados - Página Xique-Xique

Plantão


Publicidade

Publicidade

24 janeiro, 2017

Bom Jesus da Lapa-BA PMs mortos por assaltantes de banco são enterrados



Os policiais militares executados por bandidos após serem feitos reféns durante uma tentativa de assalto a banco no município de Bom Jesus da Lapa, na noite de domingo (22), foram enterrados sob comoção na manhã desta segunda-feira (24).

O soldado Gilberto Lemos Silva Júnior foi enterrado no Cemitério do Parque Verde, em Bom Jesus da Lapa. Já Everton Oliveira de Santana foi enterrado em um povoado a cerca de 70 quilômetros da cidade.

Policiais militares, amigos e parentes estiveram presente durante a cerimônia no Cemitério do Parque Verde. Como forma de homenagear as vítimas, a Polícia Militar (PM) fez um minuto de sirene com as viaturas. As buscas pelos criminosos continuam na manhã desta terça-feira (24), mas até por volta das 11h, ninguém havia sido preso.

O policial baleado no ataque foi transferido para Salvador na segunda-feira (23). O paciente foi inicialmente removido por um avião do município de Bom Jesus da Lapa. Após pousar na capital, ele foi transportado até o Hospital Geral do Estado (HGE) por um dos helicópteros do Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia (Graer).

Buscas

Segundo a PM, foram intensificadas as buscas pelo bandidos. Diligências estão sendo feitas na região oeste da Bahia, com apoio de equipes de unidades especializadas e do serviço de inteligência e também do Graer.

Além disso policiais militares de estados vizinhos também foram alertados para fortalecer o cerco e impedir fuga dos bandidos. Para o coordenador da Polícia Civil na região, delegado Jackson Trindade, os bandidos não sabiam que havia um grupamento do BOPE (Batalhão de Operações da Polícia Especializada) na cidade. A ideia da quadrilha era explodir caixas eletrônicos de Bom Jesus da Lapa.

“[Eram] em torno de 20 a 30 homens fortemente armados, com armas de grosso calibre. Invadiram a cidade e começaram a efetuar disparos, no intuito de intimidar a reação da polícia local. Só que eles não contavam com o elemento surpresa, que era justamente a guarnição do BOPE que havia na cidade, que revidou”, disse. (G1 Bahia)

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Publicidade